24/06/2015
Acampamento de Tropas Escoteiras - Junho/2015

Acampamentos Tropas Escoteiras – Junho 2015

O acampamento das tropas escoteiras do GE Cônego Sorg foi realizado nos dias 20 e 21 de junho de 2015. O Local do Acampamento foi o Sitio Tibola, em Santo Antônio do Planalto. Apesar do frio e previsão de chuva no domingo, 27 escoteiros estavam a postos para irem acampar. ( a noite este número passou para 28, com a chegada da Luana).

O Transporte

O deslocamento até o local foi feito pelos pais dos escoteiros, sendo que a saída foi às 14 horas da sede, chegando no local por volta das 14h15min.

O local

O local é muito bonito, como diz o Ch Jota, é um “Local Mágico”.  O local do desembarque foi em frente a Casebre Abandonado, que agora além de abandonado, está também demolido. No campo antes do mato onde acontece o acampamento, tem uns cavalos que alguns criadores arrendam o local para que eles se movimentem e se alimentem. As tralhas e mochilas foram carregadas pelos escoteiros até o mato, alguns pais ajudaram.

A Bandeira

Depois do hasteamento da Bandeira foram separados os cantos de tropa e cantos de patrulha.

Os Cantos de Patrulha

Depois de decidido o local das tropas e das patrulhas, foram armadas as lonas, cercados os cantos de patrulhas e preparado o fogo de chão, com grelha e pedras. Foi dada uma breve instrução para a montagem do Canto do Lenhador pelo Ch Pedroso para os monitores, para que repassassem aos responsáveis pela manutenção do mesmo.

Enquanto o Ch Anderson ajudava os escoteiros a cortarem taquaras ( que são difíceis de serem tiradas do local, prejudicando algumas pioneirias...) o ch Pedroso e Ch Renata ajudavam as patrulhas na montagem das lonas e dos cantos de patrulha. A chefia teve uma ajuda muito importante dos pais do João Matheus, o Anderson Campos e Lici Lermen e, também a Margareth mãe da Paola, que ajudaram na montagem do canto da Chefia, jantar, mas, quem se destacou no jantar foi o Anderson Campos, mais um cozinheiro no grupo, etc... A Marta, mãe da Camily também esteve presente e ajudando no acampamento inteiro, as meninas da patrulha Coruja/Tigre que o digam. No sábado a noite até domingo ao meio-dia, a Luciane Pedroso, mãe da Nathalia e Matheus também marcou presença, ajudando bastante na chefia. A noite o Kemerich apareceu por lá também, deu uma volta por todas as patrulhas, e fez umas anotações e observações, importantes.

A comida

Os escoteiros tinham duas refeições para preparar. Uma comida mateira e a outra poderia ser comida de panela. Foram várias iguarias preparadas a fogo de chão: arroz na caixinha de leite, bife na frigideira, rocambole, pizza, espetinhos, massa com molho de sardinha, massa com molho de guisado, etc.


O Fogo de Conselho

O tema do FC foi o tema da UEB 2015, “Movidos pelo Escotismo, Ser Escoteiro é ...”.  Teve algumas esquetes muito bem elaboradas dentro do tema. Foram muitas canções também o que fez com que fosse um Fogo de Conselho muito divertido. O Ch. Pedroso foi encarregado de puxar o FC, ajudado pelas escoteiras Milena e Samira, sendo a ch. Renata a foguista.

A caminhada noturna

Após o fogo de conselho, o Ch Pedroso fez o jogo onde se escondeu pela mata e tinha que ser procurado pelos escoteiros, sendo achado quase 1 hora depois pela patrulha Lobo/Morcego no meio do campo, parado. Esta atividade também é chamada de Caça a Zulu.  Depois disto fizeram uma breve caminhada noturna, onde encontraram o Ch Jota e Ch Regina no caminho.  Ao retorno para o acampamento, a Luciane esperou todos com alguns pacotes de marschmelow que foram degustados na brasa do Fogo de Conselho. Foi uma noite muito fria, mas dentro do mato não era tão frio assim.  Em seguida, todos foram dormir, menos os monitores, que participaram de uma Corte de Honra com a chefia. Fizeram a ronda noturna, primeiro as escoteiras Milena e Julia Viera, que estava enxergando vultos no mato, após o Lucas Kapp e o João Matheus e por último Raul e Matheus, aliás esses últimos escoteiros, fizeram ronda e tagaleraram o tempo todo.

Alvorada e atividades da manhã

A alvorada foi às 7 da manhã e após se esquentarem um pouco em volta do fogo, que foi abastecido pelos rondas durante a noite, o Ch Pedroso puxou a todos para uma corridinha e alongamentos. Teve que fazer em duas partes, pois algumas escoteiras se atrasaram.  Logo em seguida, foi feita a o hasteamento da Bandeira Nacional. Depois do café da manhã, o Ch Jota foi o guia turístico, onde foi feito uma caminhada pelo sítio, mostrando-nos as belezas da natureza do local, rio, campo e mata. Durante a caminhada, foi feito uma atividade pelo Ch Pedroso, “o Gato e o Rato”.

De volta ao acampamento, as tropas foram divididas em 3 partes, uma parte ficou passando provas com a Ch Regina, Ch Renata e Ch Araújo. Outra parte ficou com o Ch Jota e Campos onde foi passado algumas instruções. A outra parte ficou com o Ch Pedroso que foi passar as instruções para a montagem de uma mesa mateira.

Em seguida, as patrulhas dedicaram seu tempo para fazer o almoço. Enquanto uns trabalhavam no almoço outros desmontavam acampamento, pois a chuva se aproximava.

Promessas e Cordão Verde e Amarelo.

Neste acampamento, a escoteira Luiza da Rosa, o escoteiro João Vitor da Silva Santos e o escoteiro Gabriel Barden fizeram a Promessa Escoteira. A madrinha da Luiza foi a Milena, a madrinha do João Vitor foi a Samira e a madrinha do Gabriel Barden foi a Nathália.  A mãe Emilia e o Vô Valter da Luiza estavam lá para prestigiar a bela solenidade. Foram guardas da Bandeira os escoteiros Gustton, André e Raul.

Depois das promessas foi entregue o Cordão e Certificado Verde e Amarelo para a  escoteira Samira Baldo Pimentel. Mais uma grande conquista desta valente Escoteira.

Prova de fogo

Este foi o primeiro acampamento de mato para os escoteiros que fizeram sua estreia: João Matheus, Brian, Lucas Fachi e Lohana e para os recém chegados da alcateia: Guilherme Bugs e Bernardo.

O retorno

Após estas solenidades, os pais já estava esperando, e então começaram a carregar as mochilas e tralhas para os carros. Feito o pente fino no mato, pois como dizia Baden Powel  “Deixe seu mundo melhor do que o encontrou “, foi feito o encerramento, com os gritos de patrulha e tropas e depois todos seguiram para suas casas.

O acampamento foi organizado pelo Ch. Pedroso, Ch Araújo e Ch Renata.  Alguns jogos  foram aplicados como o Highlander, que foi aplicado em 2 partes, no sábado a noite e no domingo.  Bastão Eletrizado (não é o bastão elétrico) e o Gato e o Rato.

Umas e outras:

- o Barden levantou voo no acampamento, foi no jogo bastão eletrizado, e depois aterrissou  ....

-  Ch Araujo foi pular o rio e caiu, sujou o uniforme ...

- a Luana, para variar, machucou o pé ...

- no Jogo Procure o Chefe, a noite estava tão escura que muitos passaram do lado do Ch Pedroso e não o enxergaram.

- até agora muitos ainda não entenderam como as taquaras se mexiam sozinhas na caminhada noturna...

- o que, o que, o que, o que, o que, o que, o que, o que ......

- Uma patrulha fez pizza, e comeu carvão...

- Outra patrulha, novamente, quase passou fome, mas “ganharam” macarrão das meninas...

- A Ch Renata adorou comer maschmalow derretido no fogo....

- Levantamento final, 3 pés machucados, 1 nariz e um dente.....

 

Formação das Patrulhas

Patrulha Coruja/Tigre
* Nathalia
* Ana Gabriele
* Samira
* Luana
* Lohana
* Camily

Patrulha Águia
* Paola
* Julia Vieira
* Milena
* Luiza

Patrulha Raposa
* Guston
* Raul
* Gustavo Bugs
* Michel
* Gabriel Barden
* João Vitor dos Santos Silva

Patrulha Touro/Morcego
* André Reis
* Guilherme Kuhn
* Leonardo Weisheimer
* Guilherme Bugs
* Matheus Pedroso
* Bernardo

Patrulha Falcão/Bufalo
* Lucas Kapp
* Diogo
* João Matheus
* Brian
* Lucas Fachi
* Willian

Chefia
* Pedroso
* Araujo
* Renata
* Regina
* Jota
* Kemerich

Diretoria
* Luciane Pedroso

Pais
* Marta
* Margareth
* Anderson Campos
* Lici Lermen

por Pedro Luis Sales Pedroso

 

Voltar