04/10/2013
4 de Outubro: DIA DO LOBINHO
Dia 4 de Outubro é dia de São Francisco de Assis. Por seu apreço à natureza, é mundialmente conhecido como o santo patrono dos animais, meio ambiente e dos Lobinhos. 
 
Para comemorar esta data especial, os Lobinhos do GE Cônego Sorg irão acampar, e o tema do Fogo de Conselho não poderia ser outro. Uma passagem da vida de São Francisco de Assis, o padroeiro dos Lobinhos.
Lobos !! Preparem suas esquetes.
 
Francisco de Assis nasceu na cidade de Assis, Úmbria, Itália, em 1182. Pertencia à burguesia, e dessa condição tirava todos os proveitos. Como seu pai, tentou o comércio, mas logo abandonou a idéia por não ter muito jeito para isso. Sonhou, então, com as glórias militares, procurando desta maneira alcançar o status que sua condição exigia.
 
Contudo, em 1206 para espanto de todos, Francisco de Assis abandonou tudo, andando errante e maltrapilho, numa verdadeira afronta e protesto contra sua sociedade burguesa. Entregou-se totalmente a um estilo de vida fundado na pobreza, na simplicidade de vida, no amor total a todas as criaturas. Com alguns amigos deu início ao que seria a Ordem dos Frades Menores ou Franciscanos.
 
Pobrezinho de Assis, como era chamado, foi uma criatura de paz e de bem, terno e amoroso. Amava os animais, as plantas e toda a natureza. Poeta, cantava ao Sol, à Lua e às Estrelas. Sua alegria, sua simplicidade, sua ternura lhe granjearam estima e simpatia tais que fizeram dele um dos santos mais populares dos nossos dias.
Todo Lobinho deve conhecer a história de Francisco de Assis e seguir o exemplo deixado por ele de amor a natureza e aos seus semelhantes.
 
 
 

Quando São Francisco morava na cidade  de Gubbio, apareceu naquela cidade um grande lobo, terrível e feroz, não só devorava os animais mas também atacava os homens ao ponto de que estavam todos aterrorizados, porque varias vezes o lobo chegava bem próximo da cidade. São Francisco movido pela compaixão quis sair e enfrentar lobo, mas os moradores da cidade não quiseram deixar e tentaram dissuadi-lo.

Mas São Francisco caminhou resolutamente para onde estava o lobo e na vista de muitas pessoas aconteceu o seguinte:
 
O lobo avançou em direção de São Francisco com a boca aberta e Francisco fez o sinal da cruz o chamou e disse: "Vem aqui irmão lobo, eu te mando da parte do Nosso Criador Jesus Cristo. Que não causes dano a ninguém e a nada - Coisa admirável".
 
Disse apenas isto e o terrível lobo fechou a boca e se aproximou mansamente, deitando-se aos pés de São Francisco.

São Francisco então disse : "Irmão lobo, tu estas fazendo muitos danos e medo neste povoado maltratando e matando criaturas de Deus sem a permissão Dele.
 
Você não está contente em matar outros animais e bestas e ainda tem o atrevimento de dar morte e causar danos ao homem , imagem de seu Deus.
 
Por tudo isto está merecendo a forca do ladrão e  do homicida malvado. Quero, irmão lobo, fazer as pazes com você e o povo dessa cidade, assim pare de perseguir os homens e seus animais.
 
Com estas palavras o lobo baixou a cabeça e São Francisco disse "vou fazer que o povo desta cidade te dê o necessário de modo que não passe fome, mas não faça nenhum mal nem ao homem nem a outro animal. Me prometes?
 
O lobo inclinando a cabeça diz entender claramente o que dizia São Francisco e este estão disse; " venha comigo ".

O lobo levantou a pata dianteira e colocou-a na mão de São Francisco e daquela data em seguida o lobo ia de porta em porta e todos o tratavam como a um cachorro de estimação e davam a ele comida e abrigo.
 
E o lobo não causou nenhum mal a esta gente.,

Viveu mansamente e morreu de velho nesta cidade como lembrança do milagre de São Francisco.
 

 

Voltar