28/07/2013
ACAMPAMENTO DE INVERNO 2013

O Acampamento de Inverno 2013 do Cônego Sorg foi realizado no Parque da Várzea nos dias 26, 27 e 28 de Julho.

Foi um final de semana com muito frio à noite, mas muito ensolarado durante o dia, talvez, por interseção do Cônego Sorg como diz a irmã Nelci.

Teve início às 13:00 de sexta, e término às 14 horas do domingo.

Para os adultos, o acampamento já começou na quarta-feira, quando aconteceu uma reunião na sede escoteira para tratar da separação dos materiais e posterior carregamento de todo o material de jogos, cozinha etc.

Tema

O tema do acampamento foi “As Grandes Comédias”.

As Equipes

A sexta-feira à tarde foi dedicada à separação das equipes, confecção das bandeirolas, jogo e instrução de uma etapa da IMMA nível escoteiro e montagem da tirolesa.

Foram formadas cinco equipes:

Noite de Reis, Shubiruba, Luzes da Cidade, Homem Invisível e The Big Bang Theory.

Caminhada Noturna:

Na sexta-feira à noite, depois do jantar, aconteceu a caminhada noturna dos escoteiros, acompanhados do Jota e do Kemmerioch. Num dos trechos da caminhada os escoteiros, individualmente, desceram da estrada até o Rio da Várzea, sem lanterna. Teriam de encontrar o rio somente pelo barulho da água, e como prova de que encontraram, trouxeram uma caneca de água do rio.

Bandeirolas:

Depois da caminhada, os líderes e sub das equipes ficaram para terminar as bandeirolas. Foram dormir às 3:00 com as bandeirolas prontas, por que na primeira apresentação das equipes no sábado pela manhã deveriam estar prontas.

Os lobinhos.

Os lobinhos chegaram às 8:00 de sábado, momento em que foram escolhidos e inseridos nas equipes.

A pontuação e bases

A pontuação foi feita em moeda (bolitas).

Cada equipe recebeu um saco de pano (um bocó) para guardar suas moedas. Em cada base realizada era distribuída a pontuação, e cada um cuidou de seus pontos até o final de todas as provas, que envolveram muito conhecimento escoteiro: Lei Escoteira e Lei dos Lobinhos, zenit polar, sinais de pista, métodos de medição, passo escoteiro, nós, amarras, pioneirias, primeiros socorros, simbologias, enigmas, além das bases tradicionais: lançamento de dardo, falsa baiana, tirolesa, sleack line, Kim, escalada, tiro ao alvo, avaliações de bandeirolas, gritos de guerra, disciplina, organização, esquetes do Fogo de Conselho, canções do Fogo de Conselho ...

Fogo de Conselho:

Os participantes comentaram que este foi um dos  Fogos de Conselho mais animados que já aconteceram. 

A abertura, com tochas, foi organizada pelo Kemmerich.

A lenha veio da propriedade dos Guimarães, por que há escassez de madeira no Parque da Várzea, e não é aconselhável queimar palanques e tábuas que tem por lá.

As equipes desenvolveram as esquetes de acordo com o tema proposto.

Foi considerada a melhor esquete neste acampamento a esquete da equipe Luzes da Cidade, que interpretou um dos filmes do Charles Chaplin. Foi perfeita a interpretação do Homero Chaplin e da Moça Cega (Gabi Pagotto), bem como dos demais membros da equipe.

As demais esquetes também foram muito boas, mas esta se destacou. 

As equipes se puxaram mesmo. Aos poucos vão surgindo os talentos.

A Dani puxou uma canção inédita, do trem, que ela mesmo inventou. Muito boa. Vai pegar valendo.

A chefe Regina puxou com perfeição a canção Meeeelaaaaaaaaaannnnnncia. No domingo à tarde ainda  tinha gente cantarolando essa engraçada e  vibrante canção.

Durante o Fogo de Conselho recebemos uma mensagem por celular do Paludo e do Pedroso, que, naquele momento, também estavam num Fogo de Conselho em Guaporé, no Curso Preliminar Escoteiro (O Beto Dal Castell, mesmo inscrito, não pode ir para o curso, em razão do falecimento de sua sogra).

Dizia a mensagem:

“Nesse mesmo momento em que ocorre o FC em nosso grupo Cônego Sorg, estamos a 150 km de distância também no FC em Guaporé no curso. Apesar da distanciam, olhamos para o fogo e aquecemos nossos corações, desejando sucesso e muitas emoções a todos aquecendo nossos corações com a nossa saudade. Aspirantes a chefes. Olmir Paludo e Pedro Pedroso.”

A Canção da Despedida foi dedicada à família do Diogo, em oração da Ch. Regina, em razão do falecimento de sua avó.

Depois de desfeita a Cadeia da Fraternidade a Luciane Pedroso (mãe da Nati e Matheus) trouxe marschmelow e distribuiu para todos, que foram assados e degustados ao som do violão da guia Daniela Oliveira. 

Foram várias músicas na roda de violão. 

Destaque para Faroeste Caboclo, cantada do início ao final pelo Kemmerich. Eita musica comprida. Foi uma bela dupla.

Caminhada Noturna Lobinhos:

Enquanto os escoteiros faziam uma atividade, os lobinhos partiram para sua caminhada noturna, acompanhados do Jota, Marlene e Moisés. No meio da caminhada, quando os lobinhos faziam um trajeto sozinhos,  existia um obstáculo muito assustador, que impedia a passagem. No final, muitas gargalhadas. Os lobinhos sabem do que se trata.

Atividade dos Escoteiros.

Enquanto os lobinhos faziam sua caminhada noturna, as equipes ficaram para confeccionar cartazes para formar um painel para o 1º Mutirão Regional Pioneiro do Norte Gaúcho, que será desenvolvido em maio de 2014 pelo GE Cônego Sorg.

Essa atividade também foi realizada ao som de violão.

Silêncio às 2:00.

Alvorada:

No domingo pela manhã, a alvorada foi as 7:15. Alongamento, café da manhã, bandeira.

Promessa:

O Lobinho Gabriel Bernardi Rohr concluiu a etapa introdutória do Ramo Lobo, e fez sua Promessa de Lobinho no domingo pela manhã. A promessa foi acompanhada pelos seus pais e irmãos. Parabéns Lobinho Rohr.

Bases

No domingo pela manhã teve continuação das bases que foram até às 13 horas, horário em que foi servido o almoço. Alguns conseguiram terminar suas bases somente depois do almoço. 

Durante todo o acampamento as equipes foram acumulando moedas (bolitas) em seus bocós. Se, em algum momento, eles não soubessem determinada instrução proposta na base (por exemplo, um nó, lei, falta do cabo escoteiro, sinais de pista etc) eles deveriam se dirigir ao guardião dos segredos. 

O guardião dos segredos estava preparado para ensinar na hora qualquer instrução, mediante pagamento de moedas. Sempre que as equipes chegavam em uma base, dali não poderiam sair para buscar informações. Teriam de pedir ajuda do guardião. As equipes mais precavidas levavam consigo todas as anotações possíveis para não precisar desembolsar moedas.

Esse método foi muito bom, excelente, pois cada uma deveria cuidar bem de suas moedas, que seriam fator decisivo na contagem final da pontuação.

Primeiros Socorros

Depois do Almoço de domingo a aspirante a Escotista do ramo logo Kênia Guimarães, que tem formação em enfermagem, ministrou uma palestra com simulação de primeiros socorros. O acidente simulado foi de um escoteiro (seu esposo Glênio) que caiu de uma tirolesa e necessitava de atendimento de urgência. A base foi assistida por todos os componentes das equipes e pelos adultos presentes. As explicações da Kênia foram perfeitas. Nessa atividade também deu para perceber que o curso de primeiros socorros feito neste ano na sede escoteira foi bem assimilado, pois os voluntários para o atendimento fizeram os exames de sinais vitais no acidentado dentro dos padrões recomendáveis. 

As refeições:

A chefe de cozinha foi a Salete Martins (mãe da Samanta).

Ela desenvolveu com perfeição todo o cardápio que foi passado:

Sexta à noite – Carreteiro com saladas.

Sábado ao meio-dia: Carne picada, arroz e saladas

Sábado à noite: Galeto (assado pelo Móisés), massa, molho, moranga e saladas.

Domingo ao meio-dia: Churrasco (assado pelo Felizardo (Marlene), Luiz Barboza (Rafa Gisch), e Coletto (pai da Pietra e Ruiz).

Com auxílio de algumas mães a Salete serviu no almoço arroz branco, mandioca, saladas de tomate, repolho, cebola assada, Rúcula, maionese, tudo regado a muito Tang e muito bom humor da grande família Cônego Sorg.

Foi um bifê espetacular. Parabéns Dona Salete e equipe de cozinha.

O Encerramento:

Depois do arriamento das Bandeiras foi solicitado às equipes que fizessem um pente fino no campo e nos pavilhões. Enquanto isso, todos entregaram seus bocós de moedas, já identificados, para início da contagem da pontuação.

Depois disso, foram todos chamados para o anúncio.

A equipe The Big Bang Theory foi a grande vencedora deste Acampamento de Inverno.

Antes do “fora de forma e gritos de guerra” a Ch; Regina solicitou a presença da Salete e pediu uma grande palma escoteira para ela. Na seqüência, uma grande palma escoteira para os pais que compareceram para ajudar, e uma grande palma escoteira para os que não são pais de escoteiros, mas mesmo assim estavam lá para ajudar (esquentou as mãos de tantas palmas escoteiras.

Gritos de Guerra

The Big Bang Theory:

Alerta, Alerta, vamos lutar

com diversão e seriedade TBBT vai arrasar

Equipe TBBT

Sempre Alerta !

 

Homem Invisível

Homem Invisível

Qual sua missão?

Vencer  com garra e determinação

Equipe Homem Invisível

Sempre Alerta !

 

Noite de Reis

As aparências podem enganar

Somos comediantes e vamos te alegrar

Nessa Noite de Reis ninguém pode nos superar

Equipe Noite de Reis

Sempre Alerta, Melhor Possível !

 

Shubiruba

Equipe Shubiruba

Temos que aprender para no final poder surpreender

Equipe Shubiruba

Sempre Alerta !

 

Luzes da Cidade

Atentos e Leais

Viemos prá lutar

e esse acampamento nos vamos ganhar

Equipe Luzes da Cidade

Sempre Alerta !

 

Equipes:

The Big Bang Theory:

Rafaela Zanrosso Vieira (E) Líder

Daniela Oliveira (Guia) sub

Mateus Paludo (E)

João Paulo O. Silva (E)

Nathália Pedroso (E)

José D. Júnior (E)

Matheus Pedroso (L)

Julia Zanrosso Vieira (L)

CamillI (L)

Shubiruba

Pietra Coletto  (Guia) Líder

Evelin Bonometti (E) sub

lago Della Mea (E)

Gabriel Vill (E)

Paola Vianna (E)

Vinícius Rodighero (L)

João Víctor Strefling (L)

Gabriel Barden (L)

Rafaela Fisch (L)

Luzes da Cidade

Homero Kemmerich (E) Líder

Gabriel Duwe (E) sub

Tauana Lira C Silva  (E)

Gabriela Pagotto (E)

Ana Gabriele da Silva (E)

Guilherme Buggs (E)

Bernardo Guimarães (L)

William Moura (L)

Gabriel Rohr (L)

Noite de Reis

Gustton Ries (E) Líder

André Reis (E) sub

Samanta Dalsasso (E)

Pedro Henrique Ferreira (E)

Brenda Schnornberger (E)

Samira Pimentel (L)

Matheus Zart da Silva (L)

Lohana (L)

Vitória (L)

Homem Invisível

Lucas Kapp (E) Líder

Ana Vitória Metz (E) sub

Gabriel Calza (E)

Jean Carlos Maia (E)

Talys (E)

Luana Dallagnol (L)

Guilherme Guimarães (L)

Gabriel Bugs (L)

Escotistas e Diretoria em ordem alfabética

Beto Dal Castell - início de sexta à tarde

Dorli Kemmerich – bases e fotografia

Indira Vargas – bases e cozinha

João Kressin - bases

Jonathan Kemmerich - Pioneiro - bases

Kênia Guimarães - bases e primeiros socorros

Luiz Airton Foltz 

Marlene Cólvero – bases

Moises Della Mea – bases e galeto

Olmir Paludo - sexta à tarde

Pedro Pedroso - sexta à tarde

Regina Sincas - organização geral

Rosângela Foltz - cozinha sábado noite

Susana Thiesen - bases sexta à tarde

Pais, Mães e Afins

Alex Ferreira e Lisiane Martins (Pedro Henrique)  – bases e cozinha

Salete Martins (Samanta) – chefe de cozinha

Glênio e Kênia Guimarães (Bernardo e Guilherme) – bases

Douglas e Querlin Strefling (João Victor) – bases

Débora e Flávio Bugs (Guilherme e Gabriel) – bases

Coletto  (Pietra e Ruiz) - churrasco

Luiz Barboza (Rafaela Gisch) – Churrasco

Fabiana Ferrari Della Mea (Iago) – bases e cozinha

Luciane Pedroso (Nati e Matheus)  – bases

Rodrigo Ries (Gustton) – cozinha e bases sexta

Pioneiro Luan Schneider - bases domingo

Amigos

Ana e Wanderlei Conte – bases 

Felizardo Próspero Sauthier – Churrasco

Francine Thiesen - bases sexta à tarde

 

As fotos do acampamento estão sendo organizados pelo Dorli Kemmerich e logo estaráo disponíveis no site.

Voltar